Acessibilidade

Jucea suspende atendimento presencial por 15 dias devido ao coronavírus

Com o intuito de combater a disseminação do novo coronavírus, a Junta Comercial do Estado do Amazonas (Jucea), em conformidade com o Decreto Governamental nº 42.061, de 16 de março de 2020, anuncia nesta terça-feira (17/03) a suspensão temporária do atendimento ao público em sua sede, pelos próximos 15 dias. A medida entra em vigor nesta quarta-feira (18/03).

Segundo o presidente da autarquia, Enio Ferrarini, a medida preventiva é para a segurança tanto dos servidores quanto dos usuários.

“Em cumprimento às medidas anunciadas pelo Governo do Amazonas diante do novo coronavírus e da vulnerabilidade direta do seu quadro de colaboradores, uma vez que 57% dos nossos servidores serão afastados por estarem no grupo de risco do coronavírus, a suspensão do nosso atendimento presencial na sede  se fez necessária para a segurança dos nossos colaboradores e do nosso usuário”, destacou ao acrescentar que os servidores afastados prestarão serviço home office.

O presidente da Junta Comercial do Amazonas ressalta que todos os serviços oferecidos pelo órgão estadual são 100% on-line, por meio do Portal de Serviços, no site da autarquia www.jucea.am.gov.br, o que não acarretará prejuízos aos seus usuários, pois os mesmos continuarão a funcionar normalmente. E que o atendimento ao público será mantido pelo chat, e-mail e telefone.

 


Reportar Erro